O Skoob esse ano fez umas paradas legais para deixarmos registrados nossa vida literária de 2015, vou colar aqui para consultar sempre que quiser...






E que venha 2016!!!
Olá pessoal

Hora de escolher os 12 melhores livros de 2015, esse ano li muita coisa boa, alguns bem ruins e vários legaizinhos, tipo água com açúcar, heheh, mas o que importa é ler porque ler é bom demais!

1- Toda luz que não podemos ver - Anthony Doerr


2- Jardim de inverno - Kristin Hannah


3- A doçura da chuva - Deborah Smith


4- Amor de redenção - Francine Rivers


5-  Perdido em Marte - Andy Weir


6- Para sempre Alice - Lisa Genova


7- A dança dos dragões - Livro 5 de As Cronicas de gelo e fogo - George R. R. Martin


8- A luz através da janela - Lucinda Riley


9- A noiva - Julie Garwood


10- Extraordinário



11- Série Os Hattaways - Lisa Keyplas

12 - Série Os Bridgertons - Julia Quinn




Muitos livros bons...ainda colocaria mais uns 2 ou 3 nessa lista de top, hehehe

Bora pra 2016?!!!

beijoss
Oláa

Como faço o TOP 12 (melhores livros lidos no ano) eu resolvi fazer também um  post com os piores que eu li esse ano, tipo aqueles que odiei...

Gente vamos combinar que gosto é algo muito pessoal e eu sinceramente acredito que você tem que estar na vibe para fazer determinadas leituras, mas viva a diversidade de qualquer forma, kkk

1º lugar dos piores

ÓDIO MORTAL DESSE LIVRO!!!!
Não me crucifiquem! Sei que  muita gente amou e eu até li porque várias amigas indicaram, mas achei a história mal desenvolvida, o tema tinha tudo para ser bom, só foi mal explorado. O livro fala mesmo é de pegação entre dois jovenzinhos de 17 anos! Ridículo para uma pessoa de quase 40 (como eu) ler!

2º lugar dos piores

O livro tinha tudo para ser bom, mas tem umas partes que faça-me o favor e o final também é pra acabar com qualquer um. Affff


3º lugar vai para....

Livro nacional. Já sou meio pé atrás com esses livros nacionais contemporâneos, ai me deparo com essa historinha chata, mega clichê...então o resultado só podia ser "não gostar" mesmo. Não serviu nem pra ter um beijo no final desse livro entre os personagens que ficaram juntos! Chatooooo


4º lugar dos piores
Bobinho, previsível e corrido! Ainda bem que é super fininho e nem perdi muito tempo!

E o 5º e último dos piores foi...
Totalmente desnecessário essa continuação de Entre o agora e o nunca, que foi um livro perfeito! Aí a autora resolve esticar a história e estraga tudoooo...Uma bela bosta essa continuação! kkk


Vou ficar por aqui para não ser apedrejada na rua, porque li muitaaa coisa boa esse ano, esses terríveis ai que ganharam medalhas e alguns mais ou menos!

Boraaaa pra 2016!
Olá pessoal

Tentando ler por aqui, o calor está demais e me deixando completamente apática, odeio essa época do ano, sofro muito! mas fazer o que né?

Bom, tentando chegar mais próximo de 52 livros lidos pro projeto #52em52 li Indiscreta da Candace Camp, um daqueles livrinhos clichês mas super fofos. Essa autora é ótima, acho a narrativa dela perfeita, intercala romance com cenas hots e engraçadas, ótima pedida para relaxar!!!

Indico!

Seus interesses tinham que ser bastante evidentes...
Benedict Wincross surge na vida de Camilla Ferrand tão rápido quanto o disparo de sua pistola. Seria ele um sequestrador? Um ladrão? Ou algo ainda pior? Em que enrascada Camilla havia se metido tão inocentemente? Ainda que seu nome seja sinônimo de nobreza, Benedict Wincross, Lorde Rawdon, está muito longe de ser um cavalheiro. Mesmo assim, Camilla vê nele a oportunidade certa para realizar seu intento: um noivo temporário para afastar as preocupações de sua família. Por sua vez, Benedict também tem seus objetivos: transitar livremente por Chevington Park, propriedade dos Ferrand, a fim de conduzir uma investigação sem que Camilla saiba. Tanto Benedict quanto Camilla possuem seus próprios planos, mas não estavam preparados para a ousada, imprudente e perigosa aventura do amor!


Bom, é isso por hoje, ainda vou tentar ler mais um livro antes do dia 31, vamos ver se dará tempo!

beijosss
  • segunda-feira, 28 de dezembro de 2015
  • 0 Comments
Olá pessoal

O ano está acabando e por aqui algumas coisas se acumularam, leia-se livros, que eu não postei aqui para vocês verem o que andei adquirindo, mas vou postando atrasado e aos poucos, que sempre é tempo!


Estava de olho nesse box de As mil e uma noites há tempos, aí na Black Friday comprei na Amazon, a mesma coisa com A ponte de Haven.

Vejam mais de perto o box, que lindoooo

Já Sangue na neve do Jo Nesbo comprei na pré-venda das Americanas, amo esse autor!

Bom, então é isso por hoje!

beijosss
Olá pessoal

Eis que gravei meu primeiro vídeo falando sobre livros, mais especificamente sobre o projeto Leitura Inesquecível de 2016...


Oieeee

Voltei com mais um tema do projeto Leitura Mágica cumprido - livro para se ler em um dia - e que perda de tempo. Livro ruinzinho que só, fraquinho, clichê, bobinho demais...ou seja, 114 páginas de tempo perdido, afff

Pior que já li alguns outros da Rachel e até que foram legaizinhos, mas esse é muito ruim, kkkk

Ou seja, NÃO INDICO!

Um charmoso policial acaba de chegar à cidadezinha de Lovett, no Texas. Seu nome é Tucker Matthews. Tudo o que ele quer é um pouco de sossego e um lar pra chamar de seu. Seu e de Pinky, sua gatinha de estimação, deixada com ele por uma ex-namorada louca. Mas parece que Tucker tem sorte (ou azar) para mulheres doidas. Sua nova vizinha é ninguém menos que Lily Brooks, ou, a Maluca Lily Darlington, famosa na cidade pelos excessos do passado, como quando entrou com o carro dentro do escritório do ex-marido cretino. Fofocas à parte, Tucker não imaginou que no lugar da suposta barraqueira fosse conhecer uma baita mulher em seus trinta e oito anos, linda, inteligente, sexy e engraçada, que irá virar sua cabeça do avesso. Maluca por você é um romance apimentando e divertidíssimo! Você não vai conseguir parar de ler!

Bom, então é isso por hoje!

beijosss
  • segunda-feira, 14 de dezembro de 2015
  • 0 Comments
Olha eu aqui com mais um livro lido, esse foi pro projeto 52 livros em 52 semanas que pelo visto vai dar fail...tá certo que li muito mais que 52 livros esse ano, mas como sou caxias, tenho TOC e etc e tal, eu quis realmente ler um livro dentro de cada semana, aí com a breve ressaca que tive me enrolei toda e vou falhar em todos os desafios que entrei esse ano, kkkkk

Mas como o mais importante é ler, vamos simbora!

Escolhi um livro da Kristin Hannah visto que amei O jardim de inverno...e mais uma vez gostei! Nota 4/5 pra esse, Quando você voltar, que teve como pano de fundo a guerra no Iraque e uma piloto, mãe e esposa que deixa tudo e vai servir seu país!

A autora mais uma vez explorou as relações familiares em todos os seus pontos fracos, crise no casamento, filha adolescente rebelde, abandono e lógicooooo um tragédia no final para apimentar tudo. É um ótimo relato de pessoas que vão à guerra e voltam para casa super diferentes e transformados devido aos horrores vividos.

Enfim, gostei e recomendo!!!!

Como tantos casais, Michael e Jolene não resistiram às pressões do dia a dia e agora estão vendo seu relacionamento de doze anos desmoronar. Alheio à vida familiar, Michael está sempre mergulhado no trabalho, não dá atenção às duas filhas e não faz a mínima questão de apoiar a carreira militar da esposa. Então Jolene é convocada para a guerra.

Ela sabe que tem um dever a cumprir e, mesmo angustiada por se afastar de casa, deixa para o marido a missão de cuidar das meninas e segue para o Iraque. Essa experiência mudará para sempre a vida de toda a família, de uma forma que ninguém poderia prever.

No front, Jolene depara com a dura realidade e precisa, mais do que nunca, recorrer à sua força e inteligência para se tornar uma heroína em meio ao caos. Em suas mensagens para casa, ela retrata um mundo cor-de-rosa, minimizando os horrores que vivencia com o objetivo de proteger todos do sofrimento.

Mas toda guerra tem um preço, e ela acaba se vendo protagonista de uma tragédia. Agora Michael precisa encarar seus medos mais profundos e travar uma batalha em nome da família.


Bom, então é isso por hoje!

beijosss

<3
Olá pessoal

Na minha vigília ao Matheus no Hospital nesses ultimos dois dias consegui terminar de ler Felizes para sempre da Nora Roberts, o quarto livro do Quarteto de noivas e posso afirmar que de todos os mocinhos o que mais gostei foi do Malcoln e também do Jack (segundo livro da série).

Essa série foi fofa, mas meio que me decepcionei, acho que esperava mais, porém para relaxar eles são bons, bem água com açúcar. Acho que faltou na série os casamentos das outras 3 amigas, pois nesse vimos somente o da Mac e Carter (os personagens do primeiro livro), mas enfim...valeu!

Em Felizes para sempre, último livro da série Quarteto de Noivas, você vai
descobrir que o amor não avisa que está a caminho e, quando chega, vira
seu mundo de cabeça para baixo.

Parker Brown sabe que subir ao altar é um dos momentos mais extraordinários na vida de um casal. Por isso ela administra a Votos a bem-sucedida empresa de organização de casamentos que fundou com suas três melhores amigas com pulso firme e muita dedicação.

Seu dia de trabalho começa cedo às vezes de madrugada, quando alguma noiva ansiosa lhe telefona aos prantos. Mas ela não se importa. Cada vez que ajuda uma mulher a escolher o vestido perfeito para o grande dia ou vê o sorriso nervoso e feliz de um noivo no altar, ela sente que está dando sua contribuição para uma história igual à de seus pais.

Porém a rica, linda e inteligente Parker também quer ser feliz no amor. Só que, em vez do intelectual sensível que sempre esteve em seus planos, parece que o destino lhe reservou uma surpresa.

Malcolm Kavanaugh é um mecânico de automóveis e ex-dublê de filmes de ação. Amigo do irmão de Parker, ele não tem vergonha de elogiar as belas pernas da moça e, com suas mãos ásperas, faz com que a empresária certinha e controladora simplesmente perca o chão.

Agora eles vão descobrir que, mesmo com suas diferenças, podem completar um ao outro. E quem disse que o príncipe encantado não pode chegar numa Harley-Davidson?

Lá no hospital mesmo eu comecei Quando você voltar da Kristin Hannah e estou amando! Então logo volto com uma conversinha sobre ele!

Bom, é isso por hoje!

beijossss




Olá pessoal

Dez anos depois eu volto com mais um conversinha...é amigos, a leitura por aqui anda empacada...comprar eu tenho comprado vários, mas ler que é bom  nada, também não ando com a cabeça muito boa, filhote vai fazer uma cirurgia e mãe que é mãe fica toda preocupada, enfim...mas vim e vamos falar desse livro.

The night season é o 4º livro da série Archie & Gretchen...nesse volume a Gretchen aparece só no finalzinho, numa sessão no tribunal em que Archie também comparece, pois ela finalmente foi presa e permanece presa (observe que já fugiu duas vezes, kkk). Este livro foi bem focado no Archie e na Susan em um momento caótico na cidade de Portland, uma inundação...

Como sempre tem um psicopata pra lá de doido, um garoto sequestrado e muitas desventuras para esses dois personagens, hehehe. Gostei do livro, não acho q foi o melhor até agora, mas foi bom e o final ficou totalmente em aberto para um próximo volume.

Com bela assassina Gretchen Lowell trancada atrás das grades, mais uma vez, o detetive Archie Sheridan pode finalmente descansar. Enquanto isso, a cidade de Portland está em crise. Várias pessoas se afogaram no fortes chuvas que inundaram o rio Willamette. Mas o examinador médico descobre que na verdade, a última vítima foi envenenada antes dela entrar na água, ela não se afogou. Um pouco de trabalho de detetive mostra que até agora três daqueles que se pensava ser afogamentos acidentais tenham realmente sido assassinatos. Portland tem um novo serial killer em suas mãos, e Archie e sua força-tarefa tem um novo caso. Enquanto isso a repórter Susan Ward está a acompanhar um mistério totalmente separado: as inundações desenterraram um esqueleto, um homem que poderia ter morrido durante a inundação catastrófica de mais de sessenta anos atrás, que lavou um bairro inteiro e matou pelo menos 15 pessoas.


Bom, é isso por hoje!! Ahhhh, esse é o livro de número 100 do ano!!! uhulllll

beijosss
Oieee

Como falei num post anterior, chegou uma caixa com 40 livros de comprinhas e rolos com a minha amiga Neli e essa é a segunda parte. A maioria aqui são livros juvenis para a viciada mirim, Clarinha, heheheheh

Imagina se ela não gostou?


Mais uma vez bateu uma preguiça aqui de relacionar todos os livros, kkkk, vai dar tendinite se eu fizer isso! (momento bobeira) kkkk

Bom...então é isso. Esse ano ainda terei mais alguns pra mostrar e depois acho q ficarei um bom tempo sem Chegou Aqui, consegui liberar o iPad só para o meu uso e assim espero ler mais em ebooks, pelo menos até conseguir fazer as estantes aqui em casa, pq não tem mais lugar pra colocar livro, heheh (amooo)

Beijosss

<3
Olá, voltei com mais um conversinha...dessa vez o livro foi Bem Casados da Nora Roberts (livro 3 do Quarteto de noivas).

Um dos temas do Leitura Mágica desse mês é wedding lit e esses livros tem tudo a ver.

Confesso que estou achando meio fraquinha essa série, mas dá pra ler e relaxar, dos 3 livros que li até agora esse foi o que mais gostei. Laurel não tem um pingo de frescura nas veias, corre atrás do que quer, é batalhadora, tem uma história familiar traumatizante e mesmo assim passa por cima e vive bem, é feliz e enfim conquista o amor e a atenção de Del.

Bem-casados, terceiro livro da série Quarteto de Noivas, é uma linda história sobre a doçura do amor. Quando terminar de lê-lo, você terá certeza de que os sonhos podem se realizar das formas mais inesperadas. Parker, Mac, Emma e Laurel, amigas de infância, ganham a vida realizando o sonho de inúmeros casais apaixonados. As quatro são proprietárias da Votos, uma empresa de organização de casamentos. Após ter trilhado um caminho muito duro para conseguir ser alguém na vida, Laurel McBane se tornou a criadora dos bolos e quitutes mais lindos e saborosos do estado. Ela preza sua independência acima de tudo e não aceita que ninguém interfira em suas decisões. Talvez por isso, apesar do sucesso profissional, ainda não tenha se entregado ao amor. Apaixonada desde sempre por Delaney Brown, irmão de Parker, ela nunca teve coragem de revelar seus sentimentos. Afinal, sabe que é como uma irmã para ele. Advogado da Votos, Del se sente responsável por cuidar não só dos assuntos burocráticos da empresa, mas também do bem-estar das quatro sócias. Porém, sua postura paternalista e superprotetora começa a gerar desentendimentos entre ele e Laurel. Mas essas diferenças de opinião também fazem ferver uma química que vinha cozinhando em fogo brando havia muito tempo, acendendo uma faísca que eles não sabem se conseguirão – ou se querem – conter. Agora Laurel e Del precisarão conciliar suas convicções e personalidades para que o orgulho não fale mais alto que a paixão.

Bom, é isso, agora vou ler logo o último livro e finalizar logo essa série, kkkkk

beijosss
Olá pessoal

Hoje venho mostrar uma parte de uma caixa de 40 livros que chegou aqui, alguns eu comprei, outros foram trocados com a minha amiga Neli Knupp.


Tem de tudo um pouco aí, romance, policial, suspense, fatos históricos e duas coleções inteiras para a Clarinha da Meg Cabot!

Gente, to com preguiça de escrever o nome dos livros todos, kkkkk sorry!!!!

Enfim...é isso por hoje, dp mostro a parte 2, onde a maioria são livros para Clara.

beijosss

<3
Quase em dia com o projeto #52em52.

O livro dessa semana é Prazeres Proibidos da Laura Lee Guhrke, mais uma indicação da Neli, é um romance de época bem fofo e gostosinho de ler. Personagens legais, um jogo de gato e rato e um final felizes para sempre.

O diferencial é que a mocinha desse livro é bem comum, na verdade até meio feia, mas inteligentíssima, independente e muito dona de si. O duque depois que a conhece começa a encontrar a sua beleza e se apaixona, of course!

Enfim, um livro pra relaxar e se distrair!

"Toda a mulher tem os seus prazeres proibidos…

Para a delicada e tímida Daphne Wade, o mais apetecível prazer proibido é observar discretamente o seu patrão, o duque de Tremore, enquanto este trabalha numa escavação na sua herdade. Daphne foi contratada para restaurar os tesouros de valor incalculável que Anthony tem estado a desenterrar, mas não é fácil para uma mulher concentrar-se no seu trabalho quando o seu atraente patrão está sempre em tronco nu. Apesar dele não reparar nela, quem a pode censurar por, mesmo assim, se ter apaixonado desesperadamente por ele?

Quando a irmã de Anthony, Viola, decide transformar esta jovem e simples mulher de óculos dourados numa provocante beldade, ele declara a tarefa impossível. Daphne fica arrasada quando sabe… mas está determinada a provar que ele está errado. Agora, uma vigorosa e cativante Daphne sai da sua concha e o feitiço vira-se contra o feiticeiro. Será que Anthony conseguirá perceber que a mulher dos seus sonhos esteve sempre ali?"


É isso por hoje pessoal!

beijosss
Olá pessoal

Ontem peguei o livro A maldição do Castelo da Teresa Medeiros para terminar e cumpri a minha meta! Esse livro foi uma indicação minha lá no Leitura em Grupo, mas confesso que fiquei bastante decepcionada, já tinha lido outros títulos da autora e tinha gostado, mas esse foi mto fraquinho, história que não prendia, personagens insossos, enfim...custei a terminar!

Não indico!!!

Highlands, 1761

Passeando pelos parapeitos de sua guarida destruída, o Dragão de Weyrcraig reprimia o intenso desejo de jogar para trás a cabeça e soltar um rugido feroz. Tinha ficado muito tempo prisioneiro, longe da luz do dia. Só quando as sombras da noite envolviam Weyrcraig podia sair de suas cadeias e rondar livremente pelo labirinto de corredores do castelo.

Agora seu domínio era a escuridão, o único reino que sobrara.

Contemplando os agitados barulhos do seu estômago o apertou uma fome nova, mais aguda que qualquer outra anterior. Nunca conseguiria acalmar seu insaciável apetite. Mas essa noite não se negaria o prazer de um saboroso bocado para tirar o frio que o corroia. Essa noite procuraria satisfazer esse desejo primitivo que espreitava no ventre de toda besta, inclusive a humana.

Essa noite, o Dragão iria à caça.

Bom, é isso por hoje!

beijosss
Olá pessoal

Eis que consegui fazer mais uma leiturinha, estou correndo atrás do preju! Vamos que vamos que ainda temos uns 40 dias antes de 2015 terminar...

O livro da vez foi Uma semana para se perder da Tessa Dare e achei mto mto fofo, me diverti lendo-o, tem cenas super engraçadas, cenas hots também e ouso dizer que gostei mais desse livro do que do primeiro (que também foi muito bom)!

Enfim...uma leitura pra relaxar e ser feliz!!!

O que pode acontecer quando um canalha decide acompanhar uma mulher inteligente em uma viagem? A bela e inteligente geóloga Minerva Highwood, uma das solteiras convictas de Spindle Cove, precisa ir à Escócia para apresentar uma grande descoberta em um importante simpósio. Mas para que isso aconteça, ela precisará encontrar alguém que a leve. Colin Sandhurst Payne, o Lorde Payne, um libertino de primeira, quer estar em qualquer lugar – menos em Spindle Cove. Minerva decide, então, que ele é a pessoa ideal para embarcar com ela em sua aventura. Mas como uma mulher solteira poderia viajar acompanhada por um homem sem reputação? Esses parceiros improváveis têm uma semana para convencer suas famílias de que estão apaixonados, forjar uma fuga, correr de bandidos armados, sobreviver aos seus piores pesadelos e viajar 400 milhas sem se matar. Tudo isso dividindo uma pequena carruagem de dia e compartilhando uma cama menor ainda à noite. Mas durante essa conturbada convivência, Colin revela um caráter muito mais profundo que seu exterior jovial, e Minerva prova que a concha em que vive esconde uma bela e brilhante alma. Talvez uma semana seja tempo suficiente para encontrarem um mundo de problemas. Ou, quem sabe, um amor eterno.

Bom, é isso, espero voltar aqui muitas vezes essa semana!

beijosss

<3
Será que agora eu desencanto? Tomara!

Enfim, tenho que correr atrás do prejuízo porque estou atrasada em todos os projetos e queria muito muito terminar o ano com tudo em dia, vamos ver se consigo!

Li esse livro por indicação da Neli e é um romance de época bem fofinho, demorei a engrenar mas por conta da minha ressaca mesmo e não por que o livro não é bom, mas no final deu tudo certo.

Um bom livro pra relaxar e ser feliz!

Por trás da aparência irresistivelmente sedutora, Wynthrope Ryland esconde um grande e terrível segredo que um chantagista ameaça revelar. Pressionado, ele deve fazer uma difícil escolha para manter seu passado oculto: trair a confiança da viscondessa Moira Tryndale, a única mulher que amou na vida, ou arruinar sua família. Na verdade, ele não tinha escolha. Nunca colocaria seus irmãos em risco. Se tivesse de voltar a roubar para protegê-los, ainda que pela última vez, assim o faria. Mesmo que a vítima, dona da cobiçada tiara de diamantes, fosse Lady Aubourn... ou simplesmente Moira. Wynthrope teria de tirar proveito da proximidade com a viscondessa para furtar a joia e entregá-la ao criminoso. Depois de algum tempo - para não levantar pistas -, terminaria o relacionamento e a convenceria de que ele era mesmo um libertino, como todos pensavam. O plano parecia perfeito, se fôssemos movidos apenas pela razão... Era tarde demais para Wynthrope encarar o roubo como apenas mais um de sua pregressa carreira. Moira o conhecia como ninguém. Melhor do que ele mesmo. E sabia que ele não era o que aparentava ser. Wynthrope não podia esconder nada de Moira e muito menos fingir para si mesmo que não estava completamente apaixonado. Será que seu amor acabará falando mais alto que a forte ligação entre os irmãos? 



Wynthrope irá descobrir que a vida também tem seus segredos...

Bom, é isso por enquanto!

beijosss
Olá pessoal

Por aqui continuo na fossa literária, sem conseguir ler nadaaaa

Mas esses livros chegaram já tem um tempo e preciso mostrar!


* O historiador - Elizabeth Kostova

*Venetia e o libertino - Georgette Heyer

* Destinado - Carina Rissi

* O cavaleiro de bronze - Paulina Simons

* A verdade sobre o caso Harry Quebert - Joel Dicker


Bom, é isso por hoje!

Volto quando tiver alguma novidade

bjo bjo
Olá pessoal

Já estou entrando em parafusos aqui porque não consigo ler nadaaaa, kkkk, aí parti para os seriados e consegui colocar vários que estavam atrasados em dia, vamos ver até quando vai durar essa big ressaca literária.

Enquanto isso vamos ver mais alguns livros que chegaram há tempos e ainda não havia mostrado.


* As pontes de Madison - Robert James Waller

* O segredo de Emma Corrigan - Sophie Kinsella

* O testamento - Nora Roberts

* O inocente - Harlan Coben

* Na escuridão da noite - Kathryn Smith

* Platinum - Jo Ress

* O chamado do Cuco - Roberto Galbraith


Bom, então é isso, assim que conseguir terminar de ler algo, volto pra falar sobre, heheh

beijosss
Olá pessoal

Por aqui tentando me animar e voltar ao meu ritmo normal de leituras, mas ainda tá meio estranho. Porém preciso correr pois já estou atrasada nos desafios literários e quero terminar o ano sem pendencias, então vamos lá...

Para a semana 40 do projeto #52em52 escolhi Madrugadas de desejo da Jayne Fresina. Livro legal, gostosinho de ler, bem estilo romance de banca, uma leitura leve, para relaxar mesmo, sem ficar pensando muito ou analisando nada, heheh

Só acho engraçado o tanto que as mocinhas "de época" eram avançadas para o seu tempo nesses livros e todas, todas se dão bem, contrário ao que nós sabemos que realmente acontecia na época. Mas tá valendo, afinal é just for fun!

Um jogo de mistério e sedução que não terminará a menos que os dois se entreguem. A Inglaterra do século XIX é elegante, charmosa e aventureira. Um lugar onde é difícil não se deixar levar pelos deliciosos (e perigosos) jogos que lords e ladies libertinamente experimentam. Não poderia ser diferente na bela Brighton, o lar de Ellie Vyne e James Hartley: inimigos declarados desde a infância. Ellie sempre foi uma mulher de ideias a frente de seu tempo, temperamento forte, ousada e, principalmente, avessa a todas as tentativas de suas irmãs para lhe arrumarem um marido. Afinal, com 27 anos era um absurdo ainda perambular sozinha por aí. E é claro que James, um dos solteiros mais cobiçados da cidade, fazia questão de deixar clara sua desaprovação. Durante suas misteriosas escapadas, Ellie rouba algo muito precioso de James, que não terá paz até descobrir a identidade do ladrão. Querendo ou não, eles estão cada vez mais próximos. Como resistir ao charme de James e levar sua mentira adiante? Nesse jogo de perdição, Ellie arriscará tudo, inclusive seu coração. Enquanto James tenta desvendar o segredo da jovem, o desejo proibido que surge entre os dois será capaz de romper com todas as regras da alta sociedade inglesa.


Agora é decidir qual será o próximo da vez ou se terei coragem de terminar o fútil Mães em guerra!
Olá

Depois de uma longa pausa pq nenhum livro engrena por aqui, resolvi terminar logo esse tal de Belleville, fiz uma leitura dinâmica, focando mais nas cartas e alguns trechos relevantes pra compreender a história (oi? que história?) e finalizei! Esse foi para o tema autor brasileiro do projeto Leitura Mágica! ufaaa!

O que tenho a dizer? Decepcionante..,livro bobinho, sem pé e nem cabeça, nem água com açúcar é! affff
Maior perda de tempo! E logo agora que estou precisando de livros bons pra sair dessa ressaca! Putz!!!
Fazer o que né?!

Não perca seu tempo, please!

Se pudesse, Lucius aterrissaria em 1964 para ajudar Anabelle a realizar o grande sonho do seu falecido pai! De quebra, ajudaria a moça a enfrentar alguns problemas muito difíceis, entre eles resistir à violência do seu tio Lino. Claro que conhecer de perto os lindos olhos verdes que ele viu no retrato não seria nenhum sacrifício...

Sem conseguir explicar o que está acontecendo, Lucius inicia uma intensa troca de correspondência com a antiga moradora da casa para onde se mudou. Uma relação que começa com desconfiança, passa pelo carinho e evolui para uma irresistível paixão – e para um pedido de socorro...


Tenho um outro chatinho aqui pra terminar também, fútil e sem utilidade, mas força na peruca!

Inté mais
Já que aqui as leituras não andam...sim, não consigo ler, esse mês não li nada ainda :(
Vou mostrar mais alguns livros que chegaram faz tempo (tanto que até já li O conde enfeitiçado) heheheh


* O conde enfeitiçado - Julia Quinn

* Segredos de uma noite de verão - Lisa Keyplas

* Até você ser minha - Samantha Heyes

* As sete irmãs - Lucinda Riley

* A última carta de amor - Jojo Moyes

* Em busca do abrigo - Jojo Moyes

* A bibliotecária de Auschwitz - Antonio G. Iturbe


Bom, é isso!

beijosss
Olá pessoal

Por aqui pouca leitura e tentando colocar a vida scrapística (oi?)  em dia...essa semana está sendo dedicada ao scrap...

Bom...como estava devendo uns temas (e ainda estou) esses dois, fantasia e ficção cintífica consegui terminar as leituras e agora estão aí o registro.

Tema: Fantasia
Livro perfeito com final bombástico, ansiosíssima pelo próximo volume!!!

Tema: Ficção Científica
Que delícia esse livro, me surpreendi demais e amei muito!

Bom, é isso por enquanto, bora correr a ler os temas atrasados para ver se consigo terminar o ano com o projeto todo lido e registrado.

Beijosss

<3
Olá pessoal

Entrei numa ressaca literária das bravasss, tá osso engrenar um livro por aqui. Enquanto isso vou mostrar as páginas que fiz dos livros lidos em julho (ainda falta alguns, que foram da maratona literária, que mostro depois) ok?


Os temas de julho do Leitura Mágica foram Clássico da Literatura Mundial e Romance de banca, o clássico não li ainda, mas já comprei e será O sol é para todos da Harper Lee.

Agora para romance de banca escolhi esse da Suzanne Enoch, legalzinho!

Também teve o Desafio das Capas que li Desaparecida e foi um livro bem legal! Tema: Elemento da natureza

Li o livro O diário de Lizzie Bennett com as amigas do Leitura em grupo lá do Facebook, livro fofo!

E também tem os livros do #52em52, um livro por semana.

Está tudo bem simples porque ando sem muita inspiração e nem vontade de scrappear ultimamente! Fase complicada essa minha, kkkk, mas vamos que vamos!

beijosss
Nossaaaaa

Dessa vez a ressaca literária me pegou de jeito, faz uma semana que terminei Toda Luz que não podemos ver e só hj consegui terminar de ler outro livro. Simmm, foi tenso, nada engrenava, aí resolvi pegar esse da Julia Quinn, que sabia seria uma boa leitura.

De todos os livros da série Os Bridgertons, esse foi o que achei mais sério até agora. Francesca é mais densa, mais madura em relação à todos os seus irmãos nos livros anteriores, firme, coesa e determinada. É lógico que admitir e aceitar se apaixonar novamente após a morte do esposo é difícil, porém mesmo assim ela conseguiu seguir adiante.

Michael é um exemplo de virtude ao meu ver, amar a esposa do primo sem ser leviano, sendo puro de coração e não invejando é algo realmente admirável. E com toda certeza merecia o seu final feliz com a mulher que amou silenciosamente por 6 anos. Um fofo!!!

Amei também a nota explicativa da Julia ao final do livro e amei mais ainda saber que parte dos lucros da venda do livro foram/serão destinados à uma causa humanitária, a erradicação da malária em países subdesenvolvidos. Julia, sou sua fã!

Toda vida tem um divisor de águas, um momento súbito, empolgante e extraordinário que muda a pessoa para sempre. Para Michael Stirling, esse instante ocorreu na primeira vez em que pôs os olhos em Francesca Bridgerton.

Depois de anos colecionando conquistas amorosas sem nunca entregar seu coração, o libertino mais famoso de Londres enfim se apaixonou. Infelizmente, conheceu a mulher de seus sonhos no jantar de ensaio do casamento dela. Em 36 horas, Francesca se tornaria esposa do primo dele.

Mas isso foi no passado. Quatro anos depois, Francesca está livre, embora só pense em Michael como amigo e confidente. E ele não ousa falar com ela sobre seus sentimentos – a culpa por amar a viúva de John, praticamente um irmão para ele, não permite.

Em um encontro inesperado, porém, Francesca começa a ver Michael de outro modo. Quando ela cai nos braços dele, a paixão e o desejo provam ser mais fortes do que a culpa. Agora o ex-devasso precisa convencê-la de que nenhum homem além dele a fará mais feliz.

No sexto livro da série Os Bridgertons, Julia Quinn mostra, em sua já consagrada escrita cheia de delicadezas, que a vida sempre nos reserva um final feliz. Basta que estejamos atentos para enxergá-lo.


Bom, é isso por hoje pessoal. Espero retomar à minha rotina literária e conseguir ler mais até a próxima ressaca, hehehe

bjsss
Voltei!

Terminei esse livro maravilhoso!
Estou até com dificuldades de falar sobre ele, porque ainda não consegui defini-lo em uma palavra, cativante talvez, não sei direito.
É um livro denso, do jeito que eu gosto, mas não é choroso, é bem real e nos faz a todo instante avaliarmos o que é o "ser humano"!
Fiquei revoltada em várias partes, principalmente quanto à reprogramação dos jovens alemães nas tais escolas Hitleristas e também no grande roubo do patrimônio da humanidade, a quantidade de obras de artes saqueadas pelos alemães!
Gostei de como a trama dos personagens foi desenvolvida, gostei dos capítulos curtos e alternados entre os vários anos que se passou a história.

Agora os personagens são fantásticos, reais e tipo pessoas comuns que deram o melhor de si em uma época difícil e cruel...que não deixaram a bondade ir mesmo com todos os obstáculos e perdas pessoais.
Marie-Laure é um exemplo de vida do começo ao fim.
Werner a prova de que nem todos concordavam com as ações alemãs, mas que de uma forma ou de outra se viram envolvidos com os atos mais abomináveis possíveis.
Enfim...todos os personagens são maravilhosos!

LEIA!!! PLEASE, LEIA!

Toda Luz Que Não Podemos Ver - Marie-Laure vive em Paris, perto do Museu de História Natural, onde seu pai é o chaveiro responsável por cuidar de milhares de fechaduras. Quando a menina fica cega, aos seis anos, o pai constrói uma maquete em miniatura do bairro onde moram para que ela seja capaz de memorizar os caminhos. Na ocupação nazista em Paris, pai e filha fogem para a cidade de Saint-Malo e levam consigo o que talvez seja o mais valioso tesouro do museu. Em uma região de minas na Alemanha, o órfão Werner cresce com a irmã mais nova, encantado pelo rádio que certo dia encontram em uma pilha de lixo. Com a prática, acaba se tornando especialista no aparelho, talento que lhe vale uma vaga em uma escola nazista e, logo depois, uma missão especial: descobrir a fonte das transmissões de rádio responsáveis pela chegada dos Aliados na Normandia. Cada vez mais consciente dos custos humanos de seu trabalho, o rapaz é enviado então para Saint-Malo, onde seu caminho cruza o de Marie-Laure, enquanto ambos tentam sobreviver à Segunda Guerra Mundial.Uma história arrebatadora contada de forma fascinante. Com incrível habilidade para combinar lirismo e uma observação atenta dos horrores da guerra, o premiado autor Anthony Doerr constrói, em Toda luz que não podemos ver, um tocante romance sobre o que há além do mundo visível.



Bom, é isso por hoje! Agora vou tentar terminar um mom-lit que comecei antes de pegar uma nova remessa, rs

beijosss
Olá pessoal

Esse é o livro que li para a semana 38 do projeto #52em52. Um livro fofo que ainda não foi lançado aqui no Brasil, então li uma tradução mesmo.

É uma historia bonitinha e a leitura flui muito bem, não tem nada de extraordinário, mas é gostosinha de ler. Final totalmente previsível.

Se você quer relaxar e se distrair caia dentro que vale perder umas horinhas lendo-o!

Where One Goes - O que acontece quando a coisa que arruína sua vida acaba sendo a que te salva? 

Eu nunca fui de acreditar em espíritos - até que seis anos atrás um acidente arrepiante mudou minha vida... para sempre.

Meu nome é Charlotte, mas a maioria das pessoas me chamam de Char… e eu tenho um dom especial. 

Eu converso com os mortos. 

Não se confunda, não posso chamá-los. Só consigo conversar com os espíritos que estão perambulando incapazes de fazer a travessia. Eles de alguma maneira estão presos no mundo com algum assunto inacabado. E por seis anos, eu usei bastante meu dom para ajudar suas almas perdidas. 

Mas tudo vem com um preço. Minha vida é de escuridão. Me sentindo deprimida, comecei a querer desistir. E ajudando com a morte, percebi que não me permitir viver. Sem dinheiro, sem lugar para viver e o mais importante... sem esperança, decidi que só tenho uma opção - acabar com tudo. 

Entretanto o destino é engraçado. Um minuto, estou a ponto de pular para a morte, e no minuto seguinte, sou salva por Ike McDermott. O soldado forte e surpreendente me impediu de colocar um fim no meu desespero. Ele é o tipo de cara que quando sorri ilumina todo o ambiente. 

Doce e gentil. 

Ele é o meu salvador. 

E ele está morto. 

Nós fizemos um acordo. Ele irá me ajudar a arrumar um lugar para ficar e um novo emprego e eu irei ajudá-lo com seus negócios inacabados para que ele possa fazer a travessia. 

O assunto inacabado de Ike envolve seu irmão gêmeo, George. George está desmoronando desde a morte de Ike e Ike não consegue passar para o outro lado em paz até que saiba que George ficará bem. 

Quando eu concordei em ajudar, pouco sabia que eu me apaixonaria pelas charmosas pessoas de Bath County, e… por Ike e George McDermott. 

Agora, enquanto seu irmão tem metade do meu coração, estou de frente com uma situação cruel e nada justa. Salvando George, eu devo deixar Ike ir. 

Entretanto como que alguém abre mão de metade do seu coração?


Bom, é isso por hoje!

beijosss

:)